Download Free Designs http://bigtheme.net/ Free Websites Templates

Esse engenheiro trabalha com os processos industriais que empregam transformações físico-químicas. Ele cria técnicas de extração ou obtenção de matérias-primas, sua utilização e transformação em produtos químicos e petroquímicos, como tintas, plásticos, têxteis, papel e celulose. Desenvolve produtos e equipamentos, além de pesquisar tecnologias e processos mais eficientes e menos agressivos para o meio ambiente. Projeta e dirige a construção e a montagem de fábricas, usinas e estações de tratamento de rejeitos industriais.

O leque de atuação do profissional é amplo e o coloca entre os mais bem remunerados dos engenheiros. Além do setor de petróleo, algumas frentes de trabalho tradicionais se mantêm estáveis, como a indústria de polímeros e de tintas e vernizes. Mas a grande novidade para o engenheiro químico é o segmento farmacêutico e de cosméticos, nos quais o profissional é chamado para pesquisar e desenvolver novos produtos. Na área ambiental, começam a surgir vagas no tratamento de resíduos, no reaproveitamento de matérias-primas e na geração de energia de fontes renováveis. A crise hídrica em vários estados do Sudeste aumentou a demanda pelo engenheiro químico, requisitado para promover o aumento da eficiência das indústrias e da gestão da água. Os polos industriais dos estados do Rio de Janeiro e de São Paulo concentram os principais empregadores.

Grade Curricular

twitter

instagram

facebook